"Ensine-lhe A Virtude": A Resposta De Um Padre Ao Anúncio Da "Masculinidade Tóxica" Da Gillette

Eu vou me meter nessa coisa toda sobre masculinidade tóxica só para dizer o seguinte:

Se você é católico e quer criar um jovem, ensine-lhe virtudes.

Ensine-lhe prudência para que ele saiba ser sábio e decidido em suas resoluções.

Ensine-lhe temperança para que ele saiba que não é escravo de seus impulsos corporais e como ordenar corretamente seus seus apetites para que estejam em união com a santidade.

Ensine-lhe a justiça para que ele esteja atento ao que os outros precisam e trate com respeito e dignidade as pessoas em sua vida.

Ensine-lhe a fortaleza para que ele seja corajoso e possa ser considerado como alguém faça aquilo que é certo, apesar do sacrifício que possa vir daí. Ensine-lhe a necessidade de ser nobre.

Ensine-lhe a fé para que ele não permita que a moralidade corrosiva deste mundo destrua seu relacionamento com Deus. Esse relacionamento, se for forte, terá um impacto positivo em todos os outros relacionamentos.

Ensine-lhe a esperança para poder olhar além do momento imediato e a longo prazo. Ensine-o para que ele não se permita ser escravizado pelo que é popular agora.

Ensine-lhe o amor para que ele abrace a abnegação necessária para ser um homem de verdade.

Ensine-o a ser um herói. Onde o amor está ausente, o mesmo acontece com o heroísmo.

Faça isso e você fará de um menino um homem que não coisificará os outros, não usará os outros, não intimidará os outros e nem destruirá os outros. Você o educará para ser um homem e não um garoto crescido.

Faça isso e você criará aquele tipo de homem que precisamos para que sejam grandes líderes, grandes maridos e pais e grandes sacerdotes!

Originalmente postado no Facebook

Original em inglês: ChurchPoP