Ai de Vós Pastores!

"Ai dos pastores que deixam perder-se e dispersar-se o rebanho miúdo de minha pastagem! - oráculo do Senhor.

Por isso, assim fala o Senhor, Deus de Israel, acerca dos pastores que apascentam o meu povo: Dispersastes o meu rebanho e o afugentastes, sem dele vos ocupar. Eu, porém, vou ocupar-me à vossa custa da malícia de tal procedimento - oráculo do Senhor.

Reunirei o que restar das minhas ovelhas, espalhadas pelos países em que as exilei e as trarei para as pastagens em que se hão de multiplicar.

Escolherei para elas pastores que as apascentarão, de sorte que não tenham receios nem temores, e já nenhuma delas se extravie - oráculo do Senhor."

~ Jeremias, 23, 1-4.

O vídeo a seguir é a homilia dominical - 22.07.2018 - do Pe. John Hollowell, da Arquidiocese de Indianápolis, em Indiana nos EUA. Inspirado pela passagem de Jeremias acima, ele nos encoraja a refletir sobre como devemos nos colocar em face dos escândalos que vieram a público, nestes últimos anos, de clérigos da Igreja que abusaram sexualmente de crianças e adolescentes.

Pe. John Hollowell lembra-nos que crises na Igreja, deflagradas por sacerdotes e bispos, não são novidade em sua história. Um dos mais importantes patronos da Igreja primitiva, conhecido por suas poderosas homilias, por sua habilidade em oratória, por sua denúncia dos abusos cometidos por líderes políticos e eclesiásticos de sua época, assim nos pregava há 1.700:

"Os corredores do inferno estão pavimentados com os crânios de sacerdotes transgressores, tendo os bispos como archotes."

- São João Crisóstomo.